sábado, 11 de novembro de 2017

Lembra-se maninha


Resultado de imagem para recordações
Uma singela homenagem a minha irmã
Maria Cristina  pelo seu aniversário hoje.

Lembra-se Maninha


Lembra-se dos tempos onde plantávamos  sonhos nos braços de um amanhã
Lembra-se da velha casa, o sol entrando pelas janelas e la fora, jardins de espera
recheados  de dálias e rosas
Lembra-se dos amigos, da radio vitrola, da luz negra improvisada na sala, da dança
das vassouras e de tantas outras lindas coisas
Lembra-se da fumaça em espirais, quando nosso velho pai com seu cigarro de fumo
de corda soltava no ar
Lembra-se dos causos contados ao pé do fogão de lenha nas noites frias
Lembra-se dos velhos natais, de tantas outras belas historias que ficarão para sempre
em nossas memórias
Lembro-me dos meus 6 anos, da sua vinda, uma boneca loura tão linda
Hoje já costuramos tantos anos nesta maravilhosa colcha de vida
E vamos seguindo de braços abertos com fé e coragem pro incerto amanhã,




Autor
Carlos Marcos Faustino
11/11/2017 – sábado – 13:52




domingo, 29 de outubro de 2017

Eternidade

Resultado de imagem para bençãos

Uma singela homenagem póstuma ao 
meu anjo amigo
Jader Cabral 

Eternidade


Ficou o teu sorriso
Estampado, aberto, cristalino
Ficou o teu olhar
Ficou a tua presença
O teu abraço amigo

Ficou esta saudade
Que nos acalenta
E a certeza
Na vida eterna
Nos seus novos caminhos
Junto a Deus

Um dia
Todos os afetos
Por certo hão de se  encontrar
E estará ai de braços abertos
Pra acolher todos os seus amores
Todos os seus amigos

Meu amigo
Deus esteja sempre contigo





Autor
Carlos Marcos Faustino

 23/10/2017 – segunda feira- 10:07

Christina

A imagem pode conter: planta e flor

Christina



C  omo adentrar palavras lindas
H oje, por sempre, através dos dias
R osas, flores todas, presentes ainda
I  sto nada seria, pra definir a alegria
S er teu amigo , estar no teu abraço
T e desejar os melhores votos neste teu aniversario
 I rradie teu sorriso, espalhe esta felicidade
N avegue  sempre nos mares da bondade
A vida te seja repleta  de paz, seu doce cenário.


Pra minha amiga Christina Castello Branco pela passagem de seu aniversário


F E L I C I D A D E S



Carlos Marcos Faustino
26/10/2017- quinta-feira -09:01

segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Anjo amigo


Uma singela homenagem póstuma ao meu amigo


Jader Cabral


Anjo amigo

Vai pelos caminhos da eternidade
Pros braços de Deus
Uma estrela a mais a iluminar nossos céus
Vai anjo amigo, segue neste teu sorriso
Acalenta-nos a sua saudade

Os propósitos de Deus , quem sabe
O s nosso corações estão quebrados
Mas em nossas orações
Serás eternamente lembrado.

Deus te abençoe,  te acalente
Te dê a paz e o descanso.
Receba o nosso afetuoso abraço



          

Autor
Carlos Marcos Faustino

16/10/2017 –segunda –feira – 09:37

sábado, 14 de outubro de 2017

O Portal

A imagem pode conter: céu, nuvem e atividades ao ar livre

O Portal

Chegar ao Portal
Braços abertos
Cristo
Por certo do céu
Esboça um sorriso
Pro filho saudoso
Pro visitante amigo.

Seguir adiante
Brilho nas retinas
Exulta nas veias
O sangue
Coração aos saltos
Deixando no asfalto
Tantas emoções.

Em poucos segundos
Emerge soberbo
Guardando segredos
De tantas passagens
Partidas, chegadas
O pontilhão
Velho amigo
De tempos antigos.


E o olhar desanda
Vai à frente, toma distancia
Costurando esquinas
Procurando lembranças
Tempos de menino
Tempos de rapaz
Mocidade
Abriram-se janelas
E por elas, brotaram saudades.

Autor
Carlos Marcos Faustino
14/10/2017 – sábado -23:11


segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Imperfeito!


Nenhum texto alternativo automático disponível.
Imperfeito !


A Perfeição não existe
Ninguém é perfeito
Então por que julgar-se no direito
De apontar os defeitos dos outros



08/10/2017 - domingo - 13:01

sexta-feira, 29 de setembro de 2017

Suaves retratos



A imagem pode conter: uma ou mais pessoas

Suaves  retratos

Nos bailes do “ Galinheiro”
Seu Josino, Dona Irene
No salão rodopiavam
Com um sorriso estampado
Era lindo aquele quadro
Que inda se encontra guardado
Em minhas recordações.

Quando a seleção começava
Os rapazes em disparada
Escolhiam os seus pares
Se não queriam, as moças
Saiam dos seus lugares.

Eu de longe aguardava
Uma canção, a mais bonita
E então eu te olhava
A gente logo saia
 Peço salão embalado
Pelas loucas batidas
Do meu coração apaixonado.

“Galinheiro – Apelido carinhoso do nosso clube social”
A luz negra expandia-se pelos seus quadriculados
Era como se fosse um castelo encantado.

Autor
Carlos Marcos Faustino
30/10/2015 – sexta-feira – 23:20




LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.