terça-feira, 16 de maio de 2017

Poeira de estrelas


Resultado de imagem para poeira de estrelas



A partida  -XXXIX -

Poeira de estrelas

Sou de estrelas poeira
Sou notas duma canção
Sou versos que ao vento vão
Sou ondas que a praia beija
Em minha vida ligeira
Definições do meu jeito
Mesmo não sendo perfeito
Aos de coração pulsante
Que imaginem neste instante
Que parti  bem satisfeito.


Carlos Marcos Faustino

16/05/2017 – terça-feira – 14:54





3 comentários:

  1. Christina Castello Branco Augusto
    Parabéns!!!
    17 de maio de 2017 às 16:43

    Cynthia Accioly
    Cynthia Accioly Lendo e relendo com prazer! Amigo poeta!
    16 de maio de 2017 às 17:44

    Sonia Zammataro
    Sonia Zammataro Muito bom !
    16 de maio de 2017 às 18:45

    Marilu Vedoveto
    Marilu Vedoveto Parabéns lindo
    16 de maio de 2017 às 18:45

    Tania Maria Gimenes Brochini
    Tania Maria Gimenes Brochini Lindo!!!
    16 de maio de 2017 às 20:42

    ResponderExcluir
  2. Sandra Gimenes Menabó
    Muito linda!
    17 de maio de 2017 as 12:38

    ResponderExcluir
  3. Muito bom. Parece uma despedida do menor para o maior!

    ResponderExcluir

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.