terça-feira, 19 de julho de 2016

Meu sertão querido


Meu sertão querido

Quando o dia   se levanta
No raiar da madrugada
Vão-se embora as estrelas
A Lua aos poucos se apaga
E o canto da passarada
Na mata faz sinfonia

As galinhas no terreiro
Afloram todas  despertas
Vem comer na minha mão
O gado muge distante
Um som que afaga constante
De saudades meu coração

O orvalho da noite inteira
Nas pétalas de uma roseira
Qual cristal reluz ao sol

Meu cão velho perdigueiro
Vem buscar o meu afago
Meu carinho  e aconchego
Dai eu torno pra dentro
Me achego na beira do fogo
Tomo um café bem quentinho
E volto pra cama de novo

Afinal, se é domingo
Posso ficar mais um pouco
Mas como  é dia de missa
Logo mais vou pra capela
Rezar pra Deus,  Nossa Senhora
Agradecer pela vida
Pelo amor  e pela terra

Mas este sertão querido
que me viu desde nascido
Há de receber meus filhos
Que seguirão meu trabalho

E é neste solo abençoado
Que um dia serei sepultado
É que deixarei plantado
Um imenso jardim de flores
Essência dos meus amores.



Autor
Carlos Marcos Faustino

17/07/2016 –domingo – 13h15

7 comentários:



  1. Maria De Lourdes Zanim
    Maria De Lourdes Zanim Lindo..

    Tania Maria Gimenes Brochini
    Tania Maria Gimenes Brochini O que posso dizer sem me repetir, muito lindoooo

    ResponderExcluir
  2. Sonia Zammataro
    Sonia Zammataro Que lindo !
    ·

    ResponderExcluir
  3. Christina Castello Branco Augusto Lindo mesmo!!
    14 de dezembro às 16:34

    Zuza Gimenes
    Zuza Gimenes Obrigada! Lindo!

    ResponderExcluir
  4. Maria Lucia Gimenes
    Que maravilha!
    07 de junho de 2017 às 03:35

    Maria Inês Arena
    Maria Inês Arena Lindo hein!! Parabéns!!
    07 de junho de 2017 às 07:36

    ResponderExcluir
  5. Tania Maria Gimenes Brochini
    Tá mesmo uma beleza.
    07 de junho de 2017 às 02:38

    ResponderExcluir
  6. Zuza Gimenes
    Que bonito!!
    07 de junho de 2017 às 12:28

    ResponderExcluir
  7. Diva Pacanaro
    Parabéns,muito bonito e nostálgico
    07de junho de 2017 às 16:54

    Maria Do Carmo Falleiros
    Maria Do Carmo Falleiros Lindo ...
    07 de junho de 2017 às 16:54

    ResponderExcluir

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.