quinta-feira, 4 de junho de 2015

Aos pedaços



Aos pedaços

Duras são tuas palavras
Pra um coração angustiado
A realidade machuca
Bom mesmo é viver alienado

Viver numa eterna busca
Num voo entrecortado
A  vida se rompe , se ofusca
E desfaz-se em mil pedaços

Quem há de querer os cacos
Pra que servem os sobejos
Deixemo-los ali jogados

Precisamos de espelhos
Que nos mostrem por inteiro
E não de vidros quebrados


Autor
Carlos Marcos Faustino
04/06/2015-quinta-feira-15h35



2 comentários:

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.