sábado, 30 de maio de 2015

Anjos meus


Anjos meus

Um sopro sutil nos ouvidos
Numa canção escondidos
Naquela paz que inunda, que nutre
Luz interior que reflete e se repercute
Transcendem, falam por si mesmo
E nos conhecem ate do lado avesso

Que se multiplicam em pessoas
Que ao longo da vida, nas nossas andanças
Nos deixam  boas lembranças
São nossos entes queridos, amigos
Anjos De Deus, anjos seus, anjos meus
Aqueles que fazem a nossa vida ter sentido..


Autor
Carlos Marcos Faustino
30/05/2015- Sábado- 23h03

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.