sábado, 7 de março de 2015

Flores na calçada


Flores na calçada

Como flores caídas na calçada
Os seus passos, desenhos que inda busco
Estampam-se ao longo de minha caminhada
Tornam jardins floridos este meu mundo adulto.

Foi o teu olhar, do meu rumo a bússola
O teu sorriso, a chama que me iluminava
E minha nau que sonhava você, porto seguro
Agora se resume tudo em flores na calçada.


Esta parcela deste amor antigo
Hoje refletido  em flores na calçada
Uma pagina que nunca foi virada

Palco de tantos sonhos, tantos versos
Desvendou-me da poesia um universo
Deu-me alento, fez-me vivo.


Autor
Carlos Marcos Faustino
06/03/2015- sexta-feira-11h46
07/03/2015-  sábado – 10h16


Um comentário:

  1. Tania Maria Gimenes Brochini
    Linda mesmo.
    06 de março de 2017 às 22:28

    Escreva uma resposta...

    ResponderExcluir

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.