terça-feira, 13 de maio de 2014

Urge


Urge

Urge que tu dês a mão pra vida,
E que só de riso em riso prossigas,
Seja pelo menos aquela candeia,
Pra alumiar os caminhos em teia,

Urge que tu volvas o olhar,
Um segundo apenas pra mudar,
Em face serena a dos aflitos,
Que poderiam ser teus pais, teus filhos.

Urge que  cada um se alimente,
Da mesma luz deste todo, semente,
A vida que a cada instante vibra,
Traz consigo esse amor como trilha.

Urge que se viva, vão-se os segundos,
De mãos dadas com as surpresas do mundo,
Mesmo esse viver de desigualdade,
Um dia te levará de volta à unidade.

Autor
Carlos Marcos Faustino
13/05/2014- Terça feira- 13h58m





Nenhum comentário:

Postar um comentário

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.