segunda-feira, 9 de setembro de 2013

O sorriso da lua



O sorriso da lua

A lua arranjou um companheiro, cansou-se da solidão,
E o céu naquele instante, celebrou a união e projetou pra multidão de olhares,
Um espetáculo de beleza: um sorriso iluminado com uma auréola bem de lado,
Não houve coração que não se sentiu apaixonado.


Fascinado busquei  no meu ser fotografar esse instante de divina realeza,
Onde  um anjo de Deus certamente por ele inspirado,  desenhou toda esta cena,
Que mesmo a olho nu, tão distante , tão pequena, trazia tanta energia,
Que penetrou nos olhares , nos corações despertando até poesia.


Mas qual, não fosse a imagem deste momento  retratada,
Nem teria agora como admirar deslumbrante  tela, a lua e um planeta,
instantes depois, saí pra revê-la, haviam ido embora, fechou-se o sorriso por ora
mesmo as  estrelas, talvez por cumplicidade, deixaram também o céu da cidade. 




Autor:
Carlos Marcos Faustino

08/09/2013- Domingo- 23h13m

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.