quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Eles, elas.

Eles, elas.


Não sei o que faria sem elas, minha Nossa Senhora,
 Minha doce mulher, minha filha  Isabela, minha mãe,
Sem minhas vivências de ontem, sem minhas saudades de agora,
Minha família de origem,  minhas andanças, sem minha  poesia,
Sem minha fé, sem minha inspiração, quão escuros seriam meus dias.

Não sei o que faria sem eles, meu Deus,  meus pais, meus filhos,
Meus alicerces, meus  tesouros mais benditos,
Sem todos os meus afetos, quer longe, quer perto,
Sem meus melhores amigos, não sei Deus o que seria,

Não sei mesmo o que faria se não viessem meus versos,
Se  eu não vivenciasse meus sonhos, se eu não deixasse sorrisos,
Se eu não plantasse abraços, se eu não esquecesse as mágoas,
Se eu não deixasse que as águas levassem os males antigos.

Autor
Carlos Marcos Faustino
21/08/2013- quarta –feira – 19h43m


4 comentários:

  1. Tania Maria Gimenes Brochini
    Que linda!
    10 de março de 2018 às 13:42

    ResponderExcluir
  2. Marilu Vedoveto
    Que linda!
    10 de março de 2018 às 14:00

    ResponderExcluir
  3. Maria Lucia Gimenes
    Carlos Marcos, essa foi demais, maravilhosa.
    10 de março de 2018 às 16:42

    ResponderExcluir
  4. Roseli Lopes
    Poeta por demais inspirado! !!!
    10 de março de 2018 às 17:45

    ResponderExcluir

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.