domingo, 19 de maio de 2013

Momento Inspiração


Momento Inspiração
Acho que vou encher a pia e escrever na água uma poesia,
Já que não tenho praia  e nem mar pra levar meus escritos,
Meus loucos versos, pensamentos de alguns poucos momentos,
Ou talvez, quem sabe seria melhor ligar o chuveiro,
Pra deixar-me inteiro nos pingos d’água que descerem corpo afora,
Com algumas ervas, três pitadas de sal grosso, mantras, rezas,
Ao fundo um cheiro agradável de incenso e também bons pensamentos.
Muita água em comunhão neste momento inspiração,
Multicores, poeira e sol, entrando pelas frestas da janela,
E saindo também através dela buscando a energia do infinito,
Formas pensamentos  que explodem então no firmamento,
Caindo depois feito chuva de uma sutil beleza, calma, benfazeja,
Feito versos que traduzem paz, invadindo a Terra mais e mais de amor,
Pra que tanta  peleja, inveja, cobiça, esperteza, meu Senhor! 
Autor
Carlos Marcos Faustino
19/05/2013- Domingo- 13h06m

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LICENÇA - Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada

Licença Creative Commons
Todos os textos de Carlos Marcos Faustino, bem como de demais autores postados no Blog de Faustino Entreletras é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivados 3.0 Não Adaptada.
Baseado no trabalho em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.
Perssões além do escopo dessa licença podem estar disponível em http://faustinopoeta.blogspot.com.br/.